bloco 2

sábado, 12 de dezembro de 2015

MODELO QUE PERDEU A PERNA INSPIRA PESSOAS A ACEITAREM SEUS CORPOS

Paola Antonini superação modelo
Foto: Reprodução;Instagram
Linda, forte e otimista! A modelo Paola Antonini tem 20 anos, está dando o que falar por conta da sua história de vida e superação! Isto porque a jovem teve que amputar a perna esquerda após um acidente de carro, em 2014, e desde então tem sido uma verdadeira inspiração e exemplo de "alegria de viver". Todos os dias, ela usa sua conta no Instagram para motivar as pessoas a não terem vergonha de seu próprio corpo.
De acordo com a modelo para o programa "Encontro", da TVGlobo, seu objetivo é passar uma boa mensagem a quem precisa. “Estou tentando passar mensagens legais para os amputados usando shorts e saias, mostrando que dá para viver uma vida normal”, comentou.
Paola Antonini superação modelo
Foto: Reprodução;Instagram
Paola perdeu a perna a pouco tempo, em frente à porta da sua própria casa. Ela estava se preparando para viajar, quando um carro perdeu a direção e pressionou a jovem entre ambos os carros. Foram quatro tentativas de cirurgia para reconstruir a perna.  Nos primeiros dias do pós-cirúrgico, ela ficou dias sem receber ninguém, apenas familiares, o namorado e o fisioterapeuta. Hoje em dia a modelo faz dois tipos de fisioterapia: uma para reforçar a musculatura e outra pra reaprender a marchar.
Paola Antonini superação modelo
Foto: Reprodução;Instagram
Paola Antonini superação modelo
Foto: Reprodução;Instagram
Paola Antonini superação modelo
Foto: Reprodução;Instagram
O namorado, Arthur Magalhães dos Santos, estava com a jovem quando ocorreu o acidente. “Quem olha para ela, pensa que ela é frágil. O atropelamento ocorreu por volta das 05h30. Na hora, ela não tinha olhado para a perna e acalmou todo mundo, pediu para chamar a ambulância”, disse.
Sem rancor com a mulher que ocasionou o acidente, ela deixou a resolução do caso com a justiça. “Tem um processo correndo. Não tenho raiva, acho que a Justiça vai ser feita. Mas não penso coisas negativas de jeito nenhum. Só penso em coisas boas e positivas”, ressaltou.
Fonte: Vila Mulher